De A a Z, tudo se pode fazer DE OUTRA MANEIRA...
HomeViagens

Viagens

Mergulhado na vitrine do museu o olho da máquina enquadrava as pequenas figurinhas. Miniaturas de cérebros tabulados, tudo dividido e catalogado. Enquanto isso, o olho médico dialogava com os primórdios da neurociência. De onde vem o que nos faz

Se nos países de tradição católica se pode mapear uma viagem saltitando de igreja em igreja, no Japão, são os templos e santuários que se oferecem como maravilhosos pontos de pausa e descoberta. Vindos do Riokan Sanga

Foi o pai do Gunther que nos levou lá. Num canto sombrio dos magníficos jardins do Palácio Mirabell em Salzburg, encontrámos esta colecção de estranhas criaturas dispostas em semi-círculo. Eram, obviamente, uma colecção, mas o

Quase que escondido atrás da Pirâmide de Cestius, encontrámos o cemitério não católico de Roma. O sol aquecia a caminhada para lá chegar e a frescura do cemitério foi benvinda. É um local encantador de altos

Ainda em Roma, depois dos rosas e dourados da casa de Mussolini, continuando nos domínios da família Torlonia, abrem-se transparências coloridas nos vidros das janelas e das portas do velho “chalêt suisso”, construído nos limites

O Quartiere Coppede não faz parte, felizmente, do trajeto habitual dos autocarros de turistas. Este surpreendente quarteirão foi desenhado por Gino Coppede, um arquiteto nascido em Florença em 1866, conhecido pelos exuberantes elementos decorativos da sua

O filme "Sono Tornato" de Luca Miniero, sobre a volta de Mussolini a Itália, estimulou a nossa curiosidade em visitar a Villa Palácio onde vivia o Duce. Esta casa sofreu muitas alterações desde a sua construção em

Envolta. Embrulhada. Enrolada. Nos adjectivos dos que me rodeiam. Perigo! Maluca! Segurança! Bombas! Coragem! Nos preparativos que sempre antecedem uma saída. E, metaforicamente, no lenço que terei de usar à volta da cabeça. Vai esconder os meus cabelos e terá que o fazer também ao

NY. Dezembro de 1983, dois graus negativos. Eram decorridos cinco meses desde o início do Internato Médico que consumia cem horas por semana de trabalho e quase toda a nossa energia. Sentados à mesa do Café Orlin

Não foi uma viagem turística. Voei para o deserto do Rajastão, onde passei três dias na pequena cidade de Nagaur a 200 Km de Jodhpur. Aqui fiquei os restantes três. Fui assistir a dois festivais de musica.

Rui Barrreto & De Outra Maneira (Agosto de 2014 - Junho 2015)

A surpresa gera emoção, a rotina o desinteresse. Estou um pouco apreensiva pois estas minhas viagens a África começam a fazer parte da minha vida. Mas não vou deixar que o meu olhar já

Vamos então sair da zona de conforto. Fizemos o briefing e o maior desafio é: Comer carne todos os dias às três refeições. Perguntei se tinham arroz, parece que sim mas o guia não me pareceu convincente, nada

Sem visitar o delta do Mekong, o Vietname parecia incompleto. Depois de tantos anos os fantasmas de Apocalypse Now ainda pairam bem vivos na nossa imaginação. Como nada estava planeado usámos uma referência do Routard de

Deambular pelas ruas da velha Santo Domingo… Há cor, há calor, há parques de sombra fresca, gestos de gentes no vai e vem, vozes dos que se sentam a conversar a uma porta, num bar ou

O céu aberto com farrapos de nuvens prateadas é de um azul candente; o sol que jorra sobre nós a sua luz intensa parece não ter cor; a terra é de um ocre laranja que por

Fomos ao Piauí por acaso. O plano inicial era subir a costa do Brasil a partir de Salvador da Baía

Nómada do mundo, surfista e quase músico assim me descrevem, quando fazem um wrap up do que foi este concurso e anunciam os resultados da bolsa de estudo em videomaking que estavam a facilitar. WorldNomads são

Estava em San Diego. O passeio pelo deserto tinha sido anulado e os meus amigos tinham voltado para casa. De repente era preciso inventar uma alternativa para os dias que sobravam antes do voo para Lisboa. Na

E cá vamos nós para Myanmar. País muito tempo governado por um regime militar ditador, sofrendo sanções por parte dos EUA e por isso mesmo virando-se para a China, que o explorou de forma escandalosa. Os